Fish

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Ecologia

Fonte: Vídeo-aula "Ecologia"
EducaBahia

"Etimologicamente, ecologia significa o estudo da casa (habitat) dos seres-vivos"

Mas não é uma definição exata. Especificamente é o estudo das relações entre os seres-vivos (alelobiose) e a relação entre os seres-vivos e o meio em que vivem.
O estudo da ecologia necessita da análise dos seus fragmentos. É necessário analisar a população, a comunidade, os ecossistemas e a biosfera. Mas qual o significado dessas palavras?
População, comunidade, ecossistema e biosfera são níveis de organização ecológica.

População
Conjunto de indivíduos de mesma espécie vivendo em uma mesma área. Uma população pode ser mensurada (medida e analisada) a partir de sua densidade. Densidade é o número de indivíduos vivendo em uma mesma área.
A densidade é diretamente influenciada pela Natalidade, Mortandade e Migrações que dependem da quantidade e disponibilidade de alimentos e do espaço. Em uma população, o número de indivíduos que cresce é inato e essa capacidade inata que tem uma população de crescer em uma expansão indefinida é chamada de "Potencial Biótico". No entanto, existem vários fatores que limitam esse potencial biótico como o predatismo e o parasitismo que são relações negativas que limitam a densidade e criam um crescimento freado da população, um crescimento real. O potencial biótico é didático, ele existe, mas não pode acontecer porque proporcionaria um desequilíbrio ambiental. Note que todos os seres vivos buscam pelo crescimento de sua espécie, porém são limitados pelas relações negativas que barram esse
"provável" crescimento desenfreado.

Comunidade
Também chamada de "Biocenose", é um conjunto de indivíduos de espécies diferentes vivendo em uma mesma área. Toda comunidade surge de um pequeno número de indivíduos que apresentam uma baixa biodiversidade (biomassa) que se transforma até alcançar uma comunidade mais evoluída. A comunidade inicial, a pequena comunidade, é chamada de "comunidade pioneira" ou "ecese" que sofre transformações (séries), até chegar a uma comunidade complexa denominada "comunidade clímax"

Ecossistema
É um conjunto de indivíduos se relacionando com os componentes abiótico (sem vida) e bióticos (com vida) de um determinado meio.

Componentes Bióticos:
Num ecossistema há os componentes bióticos: Produtores, Consumidores e Decompositores.
  • Produtores - São organismos que possuem a capacidade de produzir o seu próprio alimento (organismos autótrofos). Os organimos autótrofos podem ser fotoautótrofos (Organismos que produzem seu alimento através da fotossíntese) como as algas e os vegetais, ou podem ser quimiotótrofos (Produzem o seu alimento através de uma reação química e inorgânica) como as bactérias. Os produtores são os responsáveis pela entrada da energia no mundo dos seres-vivos.
  • Consumidores - Os ornanismos consumidores são os Carnívos, os Herbívoros e os Onívoros.Os herbívoros se alimentam diretamento dos produtores. Os carnívoros se alimentam de herbívoros e também de outros carnívoros. Os onívoros se alimentam de carnívoros, herbívoros e também de vegetais (produtores). O ser humano, por exemplo, é um consumidor onívoro.
  • Decompositores - São compostos pelas bactérias e fungos que são muito importantes para qualquer ecossistema. Eles são responsáveis pela reciclagem da matéria em um ecossistema. São imprescindíveis para a reciclagem dos alimentos que sustentam a vida no planeta.
Componentes abióticos:
São componentes que não apresentam vida mas são essenciais para ela como:
  • A luz - Usada para a síntese da matéria orgânica na fotossíntese
  • A temperatura - Influencia a atividade metabólica de vários seres-vivos, principalmente aqueles que são pecilotérmicos e dependem da temperatura ambiente para regularem sua temperatura corporal. Para ter um controle homeostático equilibrado.
  • A pressão - Que influencia na produção de algumas proteínas como, por exemplo, a hemoglobina.
  • Os gases - O oxigênio, o gás carbônico e o nitrogênio que servem de alimentos abióticos. O oxigênio é essencial para o processo de respiração aeróbica. O gás carbônico é importante para o processo fotossintético. O nitrogênio é usado para a formação de aminoácidos e também de nucleotídeos que constituirão os ácidos nucléicos.
Alelobioses
Na análise dos ecossistemas é importante observar as alelobioses que são relações que existem entre os seres-vivos. As alelobioses podem ser intraespecíficas ou interespecíficas.

Alelobiose Intraespecífica:
Ocorre entre indivíduos de mesma espécie. Esse tipo de alelobiose pode ser harmônica (benéfica) ou desarmônica (com pelo menos um prejuízo).
Alelobiose Interespecífica:
Ocorre entre indivíduos de espécies diferentes. E também pode se harmônicas ou desarmônicas.

Alelobiose Intraespecífica Harmônica:
São as sociedades e colônias onde há cooperação e organização.
Alelobiose Intraespecífica Desarmônica:
Quando ocorre competição e canibalismo.

Alelobiose Interespecífica Harmônica:
Temos mutualismo, protocooperação, comensalismo, inquililismo e foresia.
Alelobiose Interespecífica Desarmônica:
Predatismo, parasitismo, amensalismo e esclavagismo.

Ainda na análise dos ecossistemas é válido lembrar das cadeias alimentares que representam a relação direta entre os componentes bióticos daquele local, daquela região.
Exemplificando:
Imagine que nós temos capim, gafanhoto, sapo e cobra. O capim representa os produtores. O gafanhoto é o consumidor primário (de primeira ordem). O sapo representa o consumidor secundário (de segunda ordem). A cobra é o consumidor terciário (de terceira ordem).
Há duas observações importantes: A linha da cadeia alimentar se direciona sempre para o organismo produtor e que essa linha hierárquica é didática. O que de fato existe num ecossistema são as teias alimentares. Uma rede mais complexa do que uma simples linha de cadeia alimentar. Uma teia alimentar é um conjunto de cadeias alimentares. Isso acontece porque num ecossistema há vários indivíduos se alimentando de capim, gafanhotos, de sapos e também de cobras.

Conclusão: Por isso que, analisando populações, comunidades, ecossistemas e biosfera, você terá uma análise perfeita das relações que existem entre os seres-vivos (alelobioses) e destes seres-vivos com o meio em que vivem. Tudo isso é um resumo da ecologia.

Nenhum comentário: